Minha querida Luzinete, você me perguntou sobre a perseguição de Paulo sobre os primeiros cristão e queria saber se eu poderia te ajudar nesta questão. Vou responder sim. Mas, antes de falar do Paulo perseguidor, e da crueldade de suas perseguições aos discípulos de Cristo devemos entender por que Paulo ao invés de seguir o conselho de seu mestre Gamaliel (Atos 5:33-39) procurou exterminar e banir da terra os discípulos de Cristo?

- Paulo não podia aceitar que um nazareno , crucificado como um criminoso pudesse ser o messias prometido de Deus – isso era escândalo para um judeu (1Co.1:23) – e Paulo é um judeu de judeu (Fp.3:5-6);
- Paulo não podia aceitar que os discípulos anunciassem a ressurreição daquele que havia sido pendurado numa cruz
- Paulo não podia crer que uma pessoa pregada na cruz e, conseqüentemente, considerada pecadora e maldita pudesse ser o Salvador do mundo.

Para ele, que era extremamente zeloso, isso era blasfêmia contra Deus e sua religião. Isso era uma heresia destruidora. Esta seita precisava ser eliminada da face da terra. Por isso, perseguiu, prendeu, arrastou, açoitou, devorou e devastou a igreja de Cristo. Paulo fez isso em nome do seu zelo extremo e de suas tradições!

Agora estudaremos a perseguição de Paulo sobre os discípulos de Cristo

A primeira coisa que devemos entender é que Paulo, antes de sua conversão foi o maior, o mais feroz, o mais severo e cruel perseguidor dos seguidores de Cristo. Antes de sua conversão, seu zelo, sem entendimento, o levou a perseguir implacavelmente os seguidores de Cristo; Paulo, antes de sua conversão, era um feroz adversário de Cristo e seus discípulos. Era na verdade o comandante cruel da perseguição contra os discípulos (At.8:2,3);

A segunda coisa que devemos entender é que antes de sua conversão sua fama de perseguidor era tamanha a ponto de ser conhecido e chamado de perseguidor: a) Por Cristo (At.9:4;26:14); b) Pelos discípulos em Damasco (At.9:21); E até por ele mesmo (At.22:4; 26:11; 1Co.15:9;Gl.1:13 – ele mesmo reconhece que foi um perseguidor da igreja - trabalharemos isto mais na frente);

Terceiro, os textos que falam da perseguição de Saulo aos discípulos de Cristo nos informam que Paulo ódiava os seguidores de Cristo o os tratava violetamente e dedicou suas energias à perseguição daqueles que seguiam os ensinamentos de Jesus de Nazaré:

No livro de Atos, Lucas nos informa que:

- Saulo Consentia na morte de Estevão (At. 8:1)

- Em At. 8:3 nos diz que Saulo, assolava a igreja, entrando pelas casas e, arrastando homens e mulheres, encerrava-os no cárcere;


- Em Atos 9:1-2 Lucas diz: Saulo, respirando ainda ameaças e morte contra os discípulos do Senhor, dirigiu-se ao sumo sacerdote , e lhes pediu cartas para as sinagogas de Damasco , a fim de que caso achasse alguns que era do caminho , assim homens como mulheres os levasse preso para Jerusalém

-Em Atos 9:13-14 Lucas nos diz que uma das objeções de Ananias a ordem do Senhor para ir ao encontro de Paulo foi: “tenho ouvido acerca desse homem, quanto males tem ele causado aos teus santos e veio para cá para prender os que invocam o Teu nome”

Paulo causou tantos males a causa de Cristo que depois de sua conversão ele lembra com pesar o seu ódio e a violência que caracterizaram sua vida durante esses anos. Da pena do próprio Paulo lemos:

- Em 1 Co 15:9 Paulo escreve “Porque eu sou o menor dos apóstolos”, pois persegui a igreja de Deus”;

- Em Gálatas 1:13 Paulo escreve: Porque ouvistes qual foi o meu proceder outrora no judaismo, como sobremaneira perseguia eu a igreja de Deus e a devastava”

- Em Filipenses 3:6 ele diz que era perseguidor da igreja por zelo

- 1 Tm 1:13 diz: noutro tempo era blasfemo e perseguidor e insolente.

Paulo em seus testemunhos lembra que era inimigo numero um de Cristo e das coisas de Cristo e estava determinado a bani-los da terra

Vejamos o seu testemunho:

- Em Atos 22:4 em sua defesa, em Jerusalém, ele testemunhou dizendo: “persegui este Caminho até a morte, prendendo e metendo em cárceres homens e mulheres...”

- Em Atos 22: 19 ele continua dizendo: “ eles bem sabem que eu encerrava em prisão e, nas sinagogas, açoitava os que criam em ti..

- Em Atos 26:10-11 Paulo em sua defeza diante do rei agripa e Festo diz o seguinte: “encerrei muitos dos santos nas prisões; e contra estes dava o meu voto quando os matavam. Muitas vezes os castiguei por todas as sinagogas, obrigando-os até blasfemar. E, demasiadamente enfurecido contra eles, mesmo por cidades estranhas os persegui”

Agora observe os termos que caracterizavam a crueldade de suas perseguições:

a) Perseguia até a morte e por todos os lugares – em outras palavras, ele os caçava como uma fera selvagem caça suas presas e estraçalhava - devorava os discípulos – seu prazer era matar; esmagar, devastar- estava enfurecido contra eles;

b) Além de prendê-los, ele os amarrava e os arrastava e os açoitava – batia neles, castigava-os fisicamente – (humilhação total);

c) Ele também os torturava psicologicamente – usava a tortura para fazê-los blasfemar – negar o Senhor para não serem mortos. Paulo era um carrasco, um torturador dos discípulos;


Portanto, sobre o Paulo perseguidor quero concluir com o comentário do rev. Hernandes que diz: “Paulo foi um perseguidor implacável. Paulo era um exterminador (At.9:21). Paulo era um carrasco impiedoso. Um monstro. Uma fera selvagem. Um touro indomável. Um perseguidor truculento, um tormento na vida dos seguidores de Cristo . Paulo foi, antes de sua conversão, o maior, o mais feroz, o mais severo e o cruel perseguidor dos seguidores de Cristo!

Aplicação
O que podemos aprender com a perseguição de Paulo sobre a igreja de Cristo?
Com a perseguição de Paulo podemos aprender que:

A primeira lição é em relação ao zelo e quanto a isso podemos aprendemos que:
a) O zelo sem entendimento pode levar uma pessoa a fazer loucuras - A história está repleta de exemplos de outros que cometeram os mesmos erros. O zelo sem entendimento pode ser uma arma perigosíssima. Muitos crimes tem sido praticados em nome do “zelo” ou até mesmo em nome de Deus;
b) Em nome do zelo e da minha tradição eu posso fazer coisas que desagrada o Deus que digo servir. Em nome do zelo e da minha tradição eu posso fazer coisas que Deus nunca mandou fazer. Em nome do zelo eu posso estar indo contra o próprio Deus;
c) Eu posso ser extremamente zeloso com minhas tradições ao ponto de me considerar justo e irrepreensível e mesmo assim perecer ou estar completamente equivocado (é preciso avaliar e analisar) (At.26:9);

A segunda lição que aprendemos é que perseguir a igreja de Cristo é perseguir o próprio Cristo . Cristo disse para o grande perseguidor dos seus discípulos: Saulo, Saulo por que me persegue?

A terceira lição que podemos tirar é que Deus pode vir ao encontro do perseguidor, e transformar o perseguidor em perseguido. De matador a proclamador da vida. porque foi isso que aconteceu com Paulo. Ele foi convertido. Ele foi domado! Falarei disso depois.

Espero ter te ajudado. Um grande abraço, rev. Fran

Escrito por Francivaldo Ferreira Pinheiro, em 31 de mai de 2011
Assunto: |

2 comentários - Já comentou?

  1. Anônimo escreveu:
  2. Hey guys,

    Do you want to watch Final Destination 5 online? It is not released yet but you can watch it already!

    Click here to [url=http://watchfinaldestination5-online.com/]watch Final Destination 5 online free[/url]

     
  3. Anônimo escreveu:
  4. Hey guys,

    Do you want to watch Final Destination 5? It is not released yet but you can watch it already!

    Click here to [url=http://watchfinaldestination5-online.com/watch-finaldestination5-online-free.php]watch Final Destination 5 online free[/url]

     

Dicas

Sugestões Para o Controle do Estresse
● Goste de si mesmo;
● Pratique esporte;
● Não sofra por antecipação;
● Fale, converse, troque idéias com alguém sobre os problemas e dificuldades;
● Cultive o bom humor e a alegria;
● Faça algo divertido e que te dê prazer (mas que não vai contra os princípios divinos);
● Faça algum tipo de exercício físico;
● Observe a obra criadora de Deus e o cuidado dele para com ela e com você;

IPB TV

IPBTV

Perfil

Minha foto
Pastor Presbiteriano (IPB). Casado com Aparecida Francisca de Sousa Ferreira. Tem 3 filhos.Teólogo pelo Seminário Presbiteriano Brasil Central (SPBC-Goiânia). Professor de: NT, Discipulado, Missões, Seitas e Heresias. Escritor da "Série Tire as suas Dúvidas"."Espero ser útil e grandemente abençoador". Em nome de Jesus

Rev. Francivaldo e Família

Vídeo

Resumo sobre o trabalho no Chile pelo Rev. João Petreceli

Nuvem de Tags

Bíblia Online

Pesquise na Bíblia
Ex.: graça - Ex.: Gen 1.1-10

Rev. João Petrecelli

Conferência Missionária
IPB Morada da Serra